Dicas para emagrecer de modo saudável, dietas de emagrecimento acompanhadas de exercícios físicos. Emagrecer como técnica de saúde e bem-estar. Pretendemos reunir toda a informação relevante sobre o tema emagrecer e perder peso, dietas e calorias.


Emagrecer com Dieta ortomolecular

A Dieta Ortomolecular é daquelas que prometem milagres. A medicina ortomolecular é um ramo da medicina alternativa, que tem por base acreditar que as doenças são resultado de desequilíbrios químicos. Deste modo, os tratamentos ortomoleculares procuram restaurar os níveis de vitaminas e minerais considerados ideais no organismo.
O que é a dieta ortomolecular?
A dieta ortomolecular é baseada na reeducação alimentar através da qual obtém-se a maior quantidade de nutrientes possíveis, com a menor acumulação de toxinas residuais ou gordura, obtendo assim, máximo rendimento. Oferecendo às células, tecidos, órgãos e ao organismo como um todo, o necessário para a produção de energia, e para as funções de reparo, estrutura e duplicação celular.
Como a dieta funciona? Como ela age no organismo?
O alimento ideal é aquele que oferece o máximo de nutrientes com o mínimo de energia para digeri-lo, com a formação de menor quantidade de resíduos e gordura, e a maior facilidade de eliminação desses resíduos.
Na maioria das vezes, é necessária a desintoxicação do organismo antes de qualquer outra coisa, sobretudo se houver prisão de ventre. A maioria das pessoas, principalmente as mulheres, tem dificuldade em eliminar o conteúdo de seus intestinos de forma adequada e plena. Ainda que evacuem todos os dias, não eliminam por completo os resíduos, sentindo-se desconfortáveis, agravando a TPM, acne, obesidade e dificultando a absorção dos alimentos, perpetuando o quadro.
Cada médico tem sua própria orientação nutricional ortomolecular, o que é comum a todos é a relevância dada à otimização das funções intestinais, para que possamos absorver adequadamente os nutrientes e eliminar as toxinas.
Quantos quilos uma pessoa pode perder?
A pessoa pode e deve emagrecer até obter a relação peso x altura ideal, conhecido como IMC (Índice Métrico Corporal).
O que está proibido na dieta?
Não costuma proibir nada. Procuro oferecer as seguintes orientações gerais:
1 - Prefira alimentos naturais, não industrializados (sem produtos químicos), e orgânicos (sem agrotóxicos). Evite alimentos refinados, com açúcar, gordura hidrogenada e margarina.
2 - Evite óleos industrializados para cozinhar, fritar ou grelhar e nunca utilize margarina. Prefira azeite de oliva extra virgem ou óleo natural de coco ou babaçu.
3 - Evite refrigerantes ou bebidas alcoólicas. Prefira sucos não adoçados, adoçados com stevia (pura, não misturada com sacarina e ciclamato e nunca com aspartame) ou apenas água.
4 - Tome 4 copos de água pela manhã e à tarde. O primeiro em jejum com o suco de meio limão.
5 - Evite ao máximo o açúcar e os alimentos que o contém. Evite carboidratos simples: Pães, arroz e massas refinados.
6 - Prefira os alimentos integrais ricos em nutrientes e fibras, como arroz, pães e massas integrais.
7 - Evite carne vermelha, embutidos ou frango industrial. Prefira proteínas de peixes ou frango e ovos orgânicos ou “caipiras”.
8 - Tenha SEMPRE alimentos crus em todas as refeições. Legumes, verduras e frutas.
9 - Tome diariamente Ômega 3 (Óleo de peixe ou linhaça – 2 cápsulas de 1 g ao dia).
10 - NUNCA UTILIZAR PANELAS DE ALUMÍNIO, PAPEL-ALUMÍNIO OU DESODORANTES ANTITRANSPIRANTES (todos possuem alumínio). O alumínio aumenta o risco de várias doenças, inclusive o câncer.
Como é feita a combinação dos alimentos?
Manhã e lanches:
Frutas e/ou suco de frutas, não combinam com cereais. Caso queira comer pão, outros alimentos ou beber café deve-se aguardar pelo menos 1 hora após as frutas.
Almoço:
Metade do prato de vegetais crus ou no vapor, ¼ do prato a proteína de alto valor biológico (peixe, frango e ovos caipiras) e ¼ do prato arroz integral.
Jantar:
Sopa ou o mesmo acima, priorizando a proteína, ao arroz integral.
A dieta pode ser feita por qualquer pessoa?
Sim, e principalmente por doentes. Crianças, diabéticos e hipertensos recebem orientação específica.
Qual o tempo recomendado para fazer a dieta?
Sempre. Lembre-se que não é uma dieta, que por si é restritiva. A reeducação alimentar não restritiva é uma mediada que perdura para sempre.
A dieta pode prejudicar o organismo de alguma forma?
Nunca.

Baseado no artigo localizado aqui.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL